(11) 2592-1971
(11) 2592-1971 (11) 95020-0770
SEG A SEX 9h às 19h

Horário de atendimento: Seg a Sex 9h às 19h

Se preferir, entre em contato por e-mail

BLOG

Home » Experiências de viagens » 10 mitos de viagem para parar de acreditar
19/09/2019 - Publicado por Single Trips - Experiências de viagens

10 mitos de viagem para parar de acreditar

Mitos de viagem

Com certeza você já escutou algum mito de viagem. É difícil você anunciar que fará uma viagem e não escutar algum em seguida.

Alguns trazem em si o que já foi verdade um dia. Com o passar do tempo e surgimento de várias tecnologias, algumas verdades caíram por terra e hoje são apenas mitos. O problema é que continuam sendo repassadas como se ainda acontecessem.

Em paralelo, muitos por acreditar em suas próprias convicções, acabam compartilhando a sua experiência isolada como se fosse algo genérico. Dessa forma, passa a impressão de que ocorre com todos.

Sendo assim, algumas histórias são passadas de boca em boca e você já sabe que “quem conta um conto, aumenta um ponto”. Não existe esse ditado popular à toa.

Com isso, muitas mentiras acabam se tornando verdades e pior é que muitas pessoas não as questionam. E como queremos que você sempre fique informado, estamos aqui para desmentir 10 mitos de viagem para parar de acreditar.

os mitos quando você vai fazer uma viagem

1. Fazer uma viagem é caro

Viajar pode ser caro, mas não precisa ser. Já algum tempo o ato de viajar deixou de ser algo apenas para os privilegiados.

Hoje em dia existem várias maneiras que facilitam milhares de pessoas viajarem pelo mundo inteiro se ainda desejarem.

Entre essas facilidades está o cartão de crédito, os programas de fidelidade e de milhas que, por sua vez, te ajuda a economizar na passagem.

Mas o grande segredo está na antecedência. Planejando alguns meses antes, você consegue a melhor tarifa no ticket aéreo com possibilidades de fazer um upgrade.

Para melhorar, caso você possa escolher a data das suas férias, planejando com antecedência você saberá a melhor época para viajar. Questões como temperatura, estação do ano e período de férias influenciam muito, principalmente na hospedagem.

Indo na baixa temporada, você consegue um melhor custo-benefício e poupar o dinheiro para atrações, presentes ou de outra forma.

Para aqueles que querem passar uma estadia maior no país, há ainda opção de trabalhar enquanto estiver no local. Assim, você se livra da dor de cabeça de ficar convertendo a moeda.

2. A Viagem de trem é a melhor forma na Europa

Viajar de trem é uma das atrações que recomendamos fazer quando estiver na Europa. Vários de nossos roteiros incluem essa experiência, mas nem sempre ela é a melhor opção.

Dependendo do tempo que você estiver disponível, da duração da viagem de trem e do valor da passagem, às vezes uma passagem aérea te oferece um melhor custo-benefício.

Apesar de não ter uma vista panorâmica sobre os trilhos, o avião pode te dar umas horas a mais para curtir o destino.

Por isso é importante pesquisar muito e se você tiver alguém experiente em viagens para te auxiliar é melhor ainda. Assim você evitará alguns perrengues e irá garantir o sucesso da sua eurotrip.

viagem de trem na europa

3. Albergue é a hospedagem mais barata

Essa questão se equivale a de cima. Na busca por economizar em hospedagem, muitos escolhem albergue. Porém nem sempre é a mais barata.

Uma opção que frequentemente oferece um melhor custo-benefício é o Airbnb porque você consegue alugar um quarto ou uma casa inteira. Comparado ao albergue, é bem melhor.

Para os que gostam de arriscar, ainda existe a opção Couchsurfing. Este é um site onde você encontra casas para você passar a noite sem pagar nada. Os anfitriões simplesmente concordam em receber os viajantes sem receber nada por isso.

Mas para aqueles que preferem o bom conforto, ainda assim é possível encontrar hotéis de qualidade por um bom investimento. Basta analisar com antecedência.

4. Os hotéis são mais caros se reservar diretamente no site deles ou através do telefone

Encontrar hospedagem com valores mais baixos em agências de viagens do que no próprio site não é uma situação impossível de ocorrer.

Mas antes de finalizar a reserva, cheque se não está perdendo alguns benefícios.

Existem hotéis que oferecem algumas regalias para aqueles que fazem sua reserva diretamente com eles. Entre esses benefícios estão acesso a Wi-Fi gratuito, upgrades de quartos ou oferta de refeições ou bebidas.

Por isso, por mais que seja tentador reservar nos sites das agências, tenha certeza que essa é a sua melhor opção.

5. Comprar no duty free sempre vale a pena

Não vá direto ao duty free pensando que lá se encontram as melhores ofertas. Existem alguns países que te isenta de impostos se for turista e outros que devolvem as taxas. Entretanto, nem sempre assim garante o “custo-benefício”.

Mesmo porque as próprias lojas podem realizar promoções ou oferecer descontos e você acabar comprando por um preço maior.

Na dúvida, faça uma pesquisa dos produtos que têm um maior investimento antes de viajar. Assim saberá reconhecer quando algo estiver numa boa oferta.

comprar no duty free na viagem

6. Viajar sozinho é perigoso. Se for mulher então…

Entre os mitos mais famosos está este de que a mulher não pode viajar sozinha porque é perigoso. Ou pior, a presença de pelo menos um homem é necessária para evitar que as mulheres passem por constrangimentos.

Nada disso é verdade! Claro que uma mulher viajando sozinha carece de uma atenção maior do que se estivesse acompanhada, mas essa regra também vale para o homem.

A dica é sempre usar o bom senso e evitar situações ou lugares que a própria população local julga ser perigoso. Principalmente em países do Oriente Médio.

Se informando nos jornais, na internet, com o povo local e até com aplicativos, você consegue evitar voltar para casa sem passar por situações perigosas. O importante é sempre estar atento e usar o instinto de sobrevivência.

Em contrapartida, o medo de estar sozinho não deve ser motivo para deixar de viajar, principalmente quando há a opção de viajar em grupo.

perigo da viagem e os passageiros

7. Se não reservar um lugar no avião, poderá receber um upgrade

Ganhar um upgrade no assento do voo pode ser o sonho de muitos. Mas aqueles que preferem não reservar o lugar com a intenção de ganhar essa regalia acreditaram no mito.

Em muitas vezes se não reservar o lugar, provavelmente não receberá um upgrade e talvez acabe num dos piores lugares do avião.

Os upgrades acontecem por causa de fatores como o ser passageiro frequente, o preço do bilhete ou se a classe econômica se encontrar sobrelotada.

E neste caso, o upgrade pode ser dedicado justamente à primeira pessoa que fizer o check-in

8. Deve sempre trocar dinheiro no aeroporto antes da viagem porque é mais barato

No desejo de fazer o câmbio da moeda, muitos turistas veem o “sem taxa” e acreditam que estão fazendo um excelente negócio. Entretanto, muitas vezes a taxa já está incluída.

Uma alternativa é encomendar moeda no seu banco com pelo menos uma semana de antecedência, o que acaba por ter, muitas vezes, taxas inferiores às aplicadas nas casas de câmbio dos aeroportos.

troca de moeda na viagem

9. Há uma hora melhor do dia para evitar multidões nos monumentos ou sítios turísticos

Não é segredo que muitos guias recomendam acordar cedo e ficar na fila antes que os pontos turísticos abrem as portas. E justamente por esse motivo, por ser do conhecimento de muitos, essas atrações ficam lotadas.

Uma forma de tentar evitar multidões é marcar sua viagem em baixa temporada e em dias que costumam ter menos visitas. Há ainda a opção de reservar com antecedência no site caso seja possível.

Se sua viagem só puder ser em alta temporada, tente chegar numa data antes ou retornar um pouco depois. Ou seja, se as férias começa na segunda, tente chegar na sexta ou retornar na quarta caso as aulas voltem na segunda.

dormindo na viagem

10. Todas as pessoas sofrem de “jet lag” automaticamente

O “jet lag” seria um distúrbio temporário do sono devido a uma viagem por vários fusos horários.

Quando uma pessoa faz uma viagem para um destino que tem uma diferença de fuso horário, ela pode sofrer jet lag. Isso não quer dizer que ela sente falta do sono, mas sim que dormiu no horário errado para o país que chegou.

Só faz sentido dormir no avião ou chegar ao hotel e ir logo dormir se no destino de chegada for de noite. O mesmo vale para as refeições.

O melhor truque é comer e dormir o mais próximo possível da hora local. Assim, poderá lutar mais facilmente contra a sensação de sono.

Esperamos esses 10 mitos tenham sido explicados de forma clara e que você agora saiba identificá-los quando alguém falar.

Qualquer dúvida, deixe nos comentários ou nos chame no WhatsApp (11) 95020 - 0770.

Não deixe de conferir aqui em nosso site, todos os nossos roteiros! Clique aqui!

Single Trips

COMENTÁRIOS

SOBRE

A Single Trips é uma agência de viagens para solteiros. Somos o caminho para quem quer viajar sozinho(a), mas com companhia!

SAIBA MAIS

NEWSLETTER

Receba nossas novidades e promoções no seu e-mail. Cadastre-se:

Arquivo